A evolução da mamografia

A mamografia, técnica de imagem radiográfica aplicada em mulheres e homens, utiliza o mamógrafo, equipamento projetado especificamente para detectar precocemente patologias no tecido mamário, ou seja, antes de se metastizarem. A detecção precoce das neoplasias é de extrema importância para o sucesso do tratamento.

Em 1913, o médico alemão Albert Salomon, utilizando equipamento de raios-x convencional estudou as radiografias de peças de mastectomias, mostrando que seria possível visualizar tumores no tecido mamário.

Em 1949, médico Raul Laborgne introduz o método de compressão da mama.

Em 1960, Robert Egan, publica artigo em que descreve uma técnica de alta miliamperagem e baixa kilovoltagem para diferenciar tecidos de diferentes densidades.

Até então, os equipamentos utilizados na mamografia eram de radiologia convencional.

Em 1966, a companhia francesa Compagnie Générale de Radiologie lança o Senographe, um equipamento de raios-x exclusivamente para a mamografia.

O Brasil adquiriu seu primeiro mamógrafo no ano de 1971. Publicações sobre o câncer de mama no Brasil datam de 1978. No ano seguinte, os médicos João Sampaio Góes e João Carlos Góes escreveram um atlas, denominado Diagnóstico Radiológico das Doenças da Mama.

Fonte: https://safetyrad.com

Post Author: Admin Geral